Cinco coisas que você não pode perder no primeiro dia do Clausura 2020

A espera acabou. O torneio Apertura 2019 já é história e o Clausura 2020 começa no México com um torneio cheio de novidades e assuntos pendentes. Rayados terá que defender o título conquistado no mês passado contra América, Tigres, Santos Laguna e companhia e contra um novo candidato, o Chivas. Estas são as cinco coisas que você não pode perder em um fim de semana em que os dois finalistas do campeonato anterior não estarão de folga.

A apresentação de Chivas </h3 >

O grande protagonista do mercado tem sido, sem dúvida, o Rebanho. A equipa comandada por Luis Fernando Tena tem sido reforçada com jogadores fortes como José Juan Macías, Chicote Calderón, Uriel Antuna, Víctor Guzmán e Jesús Angulo.Estas contratações destinam-se a ser o salto de qualidade que o Chivas precisava para lutar novamente pelos títulos. O primeiro dia contra Juárez em casa será a apresentação na sociedade de todos eles.

Tempo de Robert Dante Siboldi

No semestre anterior já podiam veja algumas das marcas que Robert Dante Siboldi quer implantar na Máquina, mas será neste Torneio de Encerramento quando o Cruz Azul terá que dar um passo à frente e recuperar o terreno perdido.Neste fim de semana ele faz sua estreia em casa contra um Atlas que passou de mais para menos no Torneio Apertura e que espera lavar sua imagem no início de 2020.

Dia 1 sem Macías para o Leão

Neste mercado a Fiera perdeu um dos jogadores que marcaram a diferença na sua equipa ao longo de 2019. Macías foi ao Chivas com 19 golos na mochila e o O Club León enfrenta agora a tarefa de não se lembrar do jovem jogador de Guadalajara. Para isso, os comandados de Ignacio Ambriz buscarão começar bem este fim de semana em casa contra o Querétaro, um dos times de revelação do Torneio Apertura 2019.

O superlíder no palco

O último Torneio Apertura deixou um sabor agridoce no Santos Laguna.Durante a fase regular os Warriors foram a melhor equipa com um total de 37 pontos e impressionantes 40 golos a favor, ninguém conseguiu mais. Tudo desmoronou, no entanto, no empate das quartas de final da Liguilla contra o Rayados. Os homens de Guillermo Almada sofreram um forte golpe de onde querem começar a se levantar neste fim de semana em casa contra os Xolos.

A vingança de Míchel

Míchel Ele enfrenta seu segundo campeonato no futebol mexicano como treinador com o objetivo de continuar a moldar o projeto do Pumas. No último campeonato a equipe melhorou na fase defensiva e faltou aquele extra no ataque para estar na Liguilla. O novo campeonato começa com reforços como os de Favio Álvarez, Alejandro Mayorga, Leonel López ou Johan Vázquez.Neste domingo, contra o Pachuca, no Estádio Universitário, será a primeira prova para as auríases.